Saturday, October 1, 2011

Vossa Majestade, O MACARON!

01 Out 2011

Read in ENGLISH




Para Vossa Majestade temos mesmo que tirar o chapéu! Cheio de caprichos, este doce francês chamado Macaron é uma mistura de suspiro, biscoito e bolo, mas não é igual a nenhum dos três. Tem sabor e textura únicos, com uma casquinha delicada por fora e macio por dentro, derrete na boca. O sabor escolhido para o recheio é absorvido pelas conchinhas delicadas após 12 horas de confeccionado, quando ele atinge o auge de sua glória. 


Mas, nem tudo são flores... confeccionar Macarons parece uma tarefa relativamente fácil, mas é preciso passar por vários dos "caprichos" desse docinho. Todas as suas etapas requerem algum tipo de detalhe, a começar pelas claras que devem "envelhecer", o ponto do merengue que deve ser exato, acertar a textura da massa final, esperar secar nas bandejas, e depois de tudo isso, ficar na frente do forno rezando pra que eles formem a tal "saia" ou "pezinho". E não termina por aí. O forno deve ser capaz de manter uma temperatura bem baixa, e os macarons não podem assar de menos nem passar do ponto.  Portanto, é preciso paciência e perseverança. Não é uma sobremesa de última hora.


É claro que os macarons que você está vendo aí em cima não foram o resultado da minha primeira tentativa. Antes destes, foram três tentativas frustradas, mas que serviram de laboratório para finalmente conhecer as texturas corretas. 


Eu já tinha vontade de experimentar fazer Macarons, quando fui presenteada com este livrinho lá no blog Soul Curry. Quando fiquei sabendo do resultado, me animei ainda mais. Mas ainda demorei a ter coragem de me aventurar nesta jornada. Finalmente, esta semana me rendi. Com o livrinho em punho, segui a receita, mas nem todos os "caprichos" dela. Não envelheci as claras, pois estavam congeladas e assumi que poderia pular esta parte. Resultado: macarons sem saia. Culpo também o fato de não acreditar muito nesses caprichos ter sido a primeira vez. Não quis arriscar a mesma receita e fui procurar outra, porém, não descartei a possibilidade de voltar a ela. 


Fui para a internet e pesquisei mais um pouco sobre macarons. Acabei encontrando um blog que desmistifica TODOS os caprichos dos macarons, de uma confeiteira que já faz macarons (profissionalmente) há dez anos. Ela resolveu fazer experiencias e ir omitindo uma coisa de cada vez. Todas as vezes ela continuava tendo sucesso. Hoje, ela faz macarons sem envelhecer os ovos, sem precisar necessariamente que estejam em temperatura ambiente, substitui as amêndoas por outras nozes e até por coco e não espera os macarons secarem antes de assar. Para ela, o segredo está no processo de "macaronage", que confere a textura exata à massa, no final do processo, antes de assar, e também em bater com o tabuleiro na mesa para sair todas as bolhas de ar. 
Achei alguém que não acredita nos caprichos dos macarons como eu Fiquei super empolgada com isso e imediatamente fui para a cozinha "desmistificar" meus macarons. Mas, não fui bem sucedida. Talvez a experiência dela seja tamanha, que ela pode se dar ao luxo de queimar etapas. Os macarons que ela faz são lindos! Cheguei ao blog dela através de uma pessoa que conseguiu o mesmo sucesso seguindo este método. Tentei duas vezes, mas não houve jeito. Não deu certo para mim :o(


Só me restava a alternativa de fazer tudo direitinho como manda o figurino Eu já estava desanimando, mas encontrei o blog Food Nouveau com um passo a passo ilustrado super detalhado com TODOS os "caprichos" seguidos à risca. As fotos mostrando a textura exata em cada etapa me ajudaram bastante a atingir a textura correta. Foi então que tive a confirmação de que os caprichos não são por acaso o prazer de vibrar, aos 4 minutos de forno, quando vi os pezinhos formados nos meus macarons :o) 


Depois de prontos :


Bem básicos, sem adição de cor nem sabor.


Recheados com um simples ganache de chocolate.



Um dia espero poder voltar aqui com macarons de todas as cores e sabores, e com receita e tutorial completos. Por enquanto sou aprendiz, mas feliz :o)


Atualização (um ano depois...)

Este passou a ser o capítulo zero de uma série de postagens sobre os Macarons. Para ler os outros capítulos desta série, clique AQUI.


27 comments:

  1. Minha amiga, de novo eu te digo: só com calmante...rsss...tentei uma vez só, e pra mim foi enough!!!rsss...

    Preciso esperar + um pouco...mas fiquei animada, não vou negar!

    Meus aplausos ao seu show de macarrons! Perfeitos, magnificos, divinos!

    ReplyDelete
  2. wow...fantastic presentation...awesome cliks..:)
    Tasty Appetite

    ReplyDelete
  3. Oi Renata,
    Parabéns pelo seus macarons! Perfect!Valeu todas as tentativas!
    E o post sobre o assunto está super completo.
    Bj e bom fim de semana,
    Lylia

    ReplyDelete
  4. Renata, você resolveu me impressionar agora foi?!! Seus macarons estão mesmo de dar orgulho e tenho certeza que estava deliciosos :)
    Que delícia ler sua vitória, fiquei bem contente por vocês :)
    Eu estou empatada nesse combate. Uma vez deu certo e a outra errado. Vamos ver quando vou tomar coragem para desempatar isso hehe
    Adorei a dica o blog Food Nouveau! Eu já tinha visto uma vez que sai procurando a fórmula perfeita para fazer esses danados ;)
    Um beijo, Queila

    ReplyDelete
  5. Dear Renata, I congratulate you!! Your determination has rewarded you. I think these look excellent! I bet they tasted as good as they look. Blessings for a beautiful weekend. Catherine

    ReplyDelete
  6. oi Renata,
    morro de medo de fazer macarrons, tanto que sempre desisto, mas com suas dicas, quem sabe,,,
    bjos

    ReplyDelete
  7. NUNCA FIZ POIS ACHO QUE NÃO ME VÃO SAIR BEM.
    OS TEUS FICARAM LINDOS.
    BOM FIM DE SEMANA
    BJS

    ReplyDelete
  8. Oi, Re,

    Parabéns pelos belos macarons e pela perseverança! rsrs. Eles ficaram realmente perfeitos! Eu já me atrevo a usar outras farinhas, mas ainda não ouso muito, rsrs.
    Por outro lado, não tenho precisado bater a assadeira, pois a minha massa não tem formado bolhas.

    Beijoca!
    (espero que este comentário entre, pois alguns comentários meus estão sumindo. Por isso e por causa de um 'maledeto' alarme de malware, tive de excluir - por hora - a minha lista de blogs! rsrs).

    ReplyDelete
  9. Renata, que maravilla de macarrons te han quedado. Acabo de descubrir tu blog y me ha encantado. Vives en Corea del Sur?, pero de dónde eres?. Un beso y hasta pronto.

    ReplyDelete
  10. Que lindo.. Eu sou louca pra provar, mas tenho medo de fazer.. Tenho certeza que vai dar errado e eu vou traumatizar...
    Quando eu casar quero muitos desses coloridos no casamento. Acho lindo!!!!!!!!!!!!!!!!

    ReplyDelete
  11. Tia, que máximo!!! Quem sabe um dia eu chego lá...rsrs bjos

    ReplyDelete
  12. Aiai ainda não tentei fazê-los, mas confesso que a cada dia estou mais próxima de tentar! Os seus me inspiraram!!!! rs beijos

    ReplyDelete
  13. Re, sou eu, a Sandra Reis, logada com a conta do meu outro blog para ver se consigo deixar meu comentário. Em alguns blogs deu certo, vamos lá.
    Vc sabe que teu blog é uma fonte de inspiração pra mim, tudo o que é feito aqui tem um capricho e cuidado de profissional. Um dia vou me arriscar nos macarrons, primeiro devo vencer meu desafio com os prosaicos suspirinhos...mas com tuas dicas, um dia eu cheho lá.

    Beijos e bom fds

    ReplyDelete
  14. Perfeitos!
    Eles caprichosos e vc super caprichosa, né Rê?! =)
    Nunca fiz... mas o sabor é delicioso mesmo. O seu ficou convidando...
    Realmente é o que disse...paciência e perseverança...
    Um bejim bem grande!

    ReplyDelete
  15. Eu A.M.E.I. os teus macarons! :)

    ReplyDelete
  16. Renata,
    Já tinha visto este blog mas n altura n consegui deixar um comentärio.
    Há anos que ando para tentar esta receita, mas o medo de qs certeza do mais que provável falhanço, têm-me prendido um pouco.
    Será que vai ser desta? os teus ficaram tão lindos e delicados.

    bom fim-de-semana

    ReplyDelete
  17. saia? pe? pode me explicar melhor? desculpe mas e que nao tenho muito conhecimento sobre macarons, bj

    ReplyDelete
    Replies
    1. Sim, é esta barrinha crespinha que se forma ao redor da base dos macarons e que os caracteriza. Sem isso, ficam parecendo biscoitinhos comuns.

      Delete
  18. Lindo lindo lindo!!!
    Meu Deus, tbm cai no golpe do "macaron desmistificado" fiz ontem e, apesar de terem ficado uma delicia, não ficaram com o pezinho, eh uma pena...
    Na proxima tentativa vou fazer tudo direitinho, nos minimos detalhes, seguindo as orientações dete site q vc indicou, estou animada, vai dar certo!!!!

    ReplyDelete
  19. Heey, Renataa! Sou sua fã! Será que você pode postar sua receita e os detalhes de como você fez os macarons? Achei o link que voce postou meio confuso! Por exemplo, ele falou que não pode assar demais e nem de menos porque ele quebra, mas não disse então como seria o ponto! Apenas disse que pode variar, etc e achei bem extenso também... Assim, se não fosse incômodo e voce pudesse postar uma forma mais simplificada de como voce fez! Muito obrigada!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Olá Mel,
      Obrigada pela visita! Como eu havia dito no post, ainda sou aprendiz na arte de fazer macarons e ainda estou aperfeiçoando a receita e método de preparo para então publicar. Espero que em breve possa atender o seu pedido! Mas já posso te adiantar que e receita é extensa pois o macaron é mesmo cheio de detalhes em seu preparo.

      Delete
  20. Renata, your macron looks perfect. still I need to make I may try it. You give me courage.

    ReplyDelete
  21. Os macarrons ficaram com óptimo aspecto! Vou experimentar de certeza (e acho que inicialmente sem saltar passos hahaha), e com cores! Mas confesso que fiquei com curiosidade de ler a receita da tal senhora que foi omitindo passos. Será que ainda sabe qual e o blog (ou nome) dela?

    Muitos parabéns pelos Macarrons!

    ReplyDelete
    Replies
    1. O site que me refiro na postagem é Brave Tart (http://bravetart.com/blog/MacaronMyths)
      Não incluí o link no meu artigo, pois não queria fazer propaganda negativa. Afinal de contas, não deu certo pra mim, mas pode dar para outras pessoas, não é mesmo?
      Espero que goste de fazer Macarons e me conte o seu resultado!
      Obrigada pelo carinho :o)

      Delete
  22. Muito obrigada pela atenção renata. Achou que vou experimentar fazer para o Natal, mas não vou saltar etapas - acho que não sou tão corajosa ainda. Mas quem sabe com mais prática hihihi

    ReplyDelete
  23. Olá entrei para ver o video mas esta em inglês será q poderia me mandar a receita por Email se não for incomodo obrigada e parabéns ficaram lindossss..dayeles2danilo@yahoo.com.br

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigada. A receita em português pode ser encontrada aqui:
      http://testadoprovadoeaprovado.blogspot.com.br/2012/11/macarons-serie-capitulo-7-uma-receita.html?m=1

      Delete

Devido ao grande número de mensagens de "spam", Testado, Provado & Aprovado não aceita mais comentários anônimos. Desculpem o transtorno.

Due to the large number of spam messages, Testado, Provado & Aprovado no longer accepts anonymous comments. Sorry for the inconvenience.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...